Foi inaugurada nesta quarta-feira (18/12) a Casa dos Conselhos. Localizado na Rua José Custódio Soares, 64, no Centro, o espaço tem capacidade para reunir representantes dos  22 conselhos municipais existentes e, em conjunto com a sociedade civil, tem o objetivo de discutir políticas públicas com formação de projetos que auxiliem no controle social da cidade.

“Criamos um espaço de integração deles com estruturação física. Isso revitaliza e reforça a importância dos conselhos municipais ajudando a discutir as políticas públicas da cidade de Maricá. Essa integração é fundamental para que tenhamos uma cidade construída a partir do olhar de todos, da participação e do múltiplo”, afirmou o prefeito Fabiano Horta.

O secretário de Participação Popular, Direitos Humanos e Mulher, João Carlos de Lima (Birigu) afirmou que a construção do espaço foi feita de forma coletiva e reforçou a participação da sociedade civil. “Os conselhos terão espaço dentro dessa casa, mas nós vamos priorizar o movimento social e as associações de moradores”, assegurou.

Além de ser um espaço de promoção de debates, palestras e fóruns, o local oferecerá ainda oficinas e cursos de empreendedorismo, formação de conselheiros e formação de redes das entidades da sociedade civil.

“A casa vai funcionar como um espaço de participação popular onde os conselhos e as entidades da sociedade civil ocupem esse espaço no seu cotidiano. Que façamos muitas palestras, debates e fóruns porque isso é fundamental para a formação. Queremos que a sociedade civil nos direcione para que façamos uma gestão pública participativa e democrática”, considerou a coordenadora da Casa do Conselho, Leci Alberti.

Presente na cerimônia de inauguração do espaço, a secretária de Educação, Adriana Luiza da Costa tem a certeza de que a Casa será um local de diálogo entre os conselhos representantes das secretarias com o intuito de ouvir as demandas da sociedade civil. “A junção dos conselhos numa Casa de Conselho e tendo uma reunião periódica vai dar outro dinamismo ao governo. É uma forma da ouvirmos o povo através dos conselhos que se reúnem para saber o que a nossa sociedade maricaense tem anseio”, avaliou.

Representante do Conselho Municipal de Diversidade Racial, Jorge Márcio Freitas Lobo comemorou o novo espaço equipado com condições de receber a população. “É de grande importância porque não tínhamos um espaço físico e hoje é uma vitória. A população vai chegar aqui e encontrar o conselho para ouvir as solicitações, e assim tomarmos atitudes e levarmos às autoridades competentes”, afirmou.

Para o representante do Conselho Municipal de Assistência Social, Misael Santos, o novo local representa um espaço democrático e organizado. “Às vezes a população não se dá conta de que os conselhos são o meio da sociedade civil ter voz. É nesse espaço que ela vem trazer as ideias, fazer os debates democráticos das demandas que existem nos bairros e das necessidades que podem ser levadas ao executivo para que ele faça seu planejamento”, disse.

Fonte: PMM

© 2020, Redação Maricá. Todos os Direitos Reservados.

error: O conteúdo está protegido !!
× Como podemos te ajudar?