Desde que se iniciou o isolamento social a procura por serviços de internet cresceu no Brasil. De acordo com levantamento do site Portal de Planos (https://portaldeplanos.com.br/), no mês de abril a busca por internet fixa teve um aumento de 16,97%, com relação a ao mês anterior de março.

Ainda de acordo com a pesquisa, as mulheres foram as que mais procuraram o serviço, representando 57,9% das buscas do último mês, enquanto os homens representam 42,1%.

Já os estados com maior procura por esses serviços foram:

São Paulo – 41,5%

Rio de Janeiro – 10,8%

Minas Gerais -7,6%

Paraná – 6,1%

Rio Grande do Sul – 5,6%

Outros estados – 28,4%

“O isolamento social mostrou a todos o quanto é importante ter em casa um serviço de internet de qualidade, seja para trabalhar em home office, para estudar, assistir filmes e séries, seja para falar com os amigos e familiares. Notamos que muitas pessoas que não tinham banda larga buscaram por esse serviço e por isso tivemos um grande pico na procura no primeiro mês de isolamento, em março. Também percebemos um crescimento na procura por melhorias nos planos atuais nos últimos meses”, comenta Yuri Kaminski, especialista em marketing digital.

Outros serviços

Outros serviços de telecomunicações já não estão mais sendo tão procurados pelos consumidores quanto no início da quarentena. A busca por TV por assinatura caiu 8,27% em abril com relação a março e a procura por Internet Móvel também apresentou queda de 10,28%.

De acordo com o especialista, essa queda pode estar relacionada ao fato das pessoas estarem mais em casa do que na rua e, por isso, não precisaram contratar ou aumentar seus planos de telefonia móvel. Em relação a TV, muitos brasileiros apostam nas plataformas de streaming, além do uso gratuito de alguns canais – muitas operadoras liberaram o seu sinal durante a pandemia.

© 2020, Redação Maricá. Todos os Direitos Reservados.

error: O conteúdo está protegido !!
× Como podemos te ajudar?