A Prefeitura promoveu nesta quarta-feira, 13, por meio da Secretaria de Turismo e da Companhia de Desenvolvimento de Maricá (Codemar), o Seminário Maricá 2030. O encontro foi realizado em uma casa de eventos em Ponta Grossa. Foram apresentadas as principais ações que visam potencializar o turismo da cidade. Uma das inovações apresentadas foi o novo aplicativo oficial da cidade, “Conheça Maricá”. O app está quase pronto e vai mapear todas as atrações da cidade, reunindo-as em uma só plataforma, o que vai facilitar a montagem de pacotes e de roteiros por parte de turistas e de empresários do setor.

De acordo com o secretário de Turismo, José Alexandre Almeida, a cidade só tem a ganhar com essas ações, que além de proporcionarem o crescimento do município, vão utilizar exclusivamente a mão de obra local. 

“A nossa ótica aqui é planejar o crescimento da cidade para as próximas décadas.  Buscamos integrar toda a rede que colabore para o crescimento desse e de outros setores, e temos a expectativa de gerar com isso 1000 novos postos de trabalho já em 2020”, explicou.

O principal ponto e objetivo do programa Maricá 2030 é estruturar a oferta turística, turbinando principalmente o turismo de lazer, negócios, gastronômico e religioso. Além disso, há a preocupação de capacitar os setores e colaboradores de Maricá para melhor atender o público.

Mesmo em fase inicial, a reestruturação turística já vem trazendo resultados. O empresário Edmar dos Santos, dono de uma pousada em Itaipuaçu, teve um crescimento satisfatório de 40% no seu negócio nos últimos dois anos. Ele conta que os eventos promovidos pela Prefeitura têm sido extremamente positivos para quem participa.

“Isso dá um ganho para todos nós, o município está recebendo investimento grandioso e isso traz gente para a cidade. Essa gestão, a nível de turismo e o resto todo, tem trabalhado pelo povo. Estou muito otimista para mais crescimento, a gente está sabendo de um novo aeroporto, escolas, hospital. Maricá é muito linda, todo mundo vai querer vir para cá”, conta.

Secretário de Desenvolvimento Econômico, Comércio e Petróleo, Igor Sardinha também esteve presente no seminário. Ele disse que o turismo é a saída para uma boa entrada de receita para o município, já que o recebimento dos royalties pode ter um prazo de validade.

“Maricá está nessa cadeia de aproveitamento do petróleo, mas nesse ponto há um prazo de validade. Temos agora o desafio de diversificar a nossa economia, e o turismo é a meta e o caminho fundamental. Nós temos vocação para o turismo. Esse planejamento é fundamental para que a gente tenha sucesso”, comentou.

O empresário Marcello Costa também ressaltou a importância do turismo para a cidade. “O turismo é uma ferramenta necessária para o desenvolvimento econômico da cidade. Temos um potencial nato para o turismo, e esse projeto reforça isso. O turismo não é simplesmente receber o turista, é receber bem. É tratar direito, para que ele volte sempre”, disse.

Outro ponto importante debatido com as entidades empresariais foi a estruturação do Conselho Municipal de Turismo (Comtur), que foi muito bem recebida pelos presentes. 

© 2020, Redação Maricá. Todos os Direitos Reservados.

error: O conteúdo está protegido !!
× Como podemos te ajudar?